Implantodontia

Especialidade que busca repor um ou mais dentes perdidos com a instalação de um parafuso de titânio (implante dentário) no local do dente perdido ou comprometido. Este implante dentário em titânio é um material bioinerte, ou seja, que permite que o osso onde ele seja instalado possa aderir a sua superfície e assim permitir a confecção de uma coroa protética para substituição do dente perdido. As técnicas cirúrgicas para sua instalação permitem que o paciente reponha os seus dentes de maneira unitária ou múltipla. Hoje é possível realizar a instalação do implante e confeccionar uma coroa protética imediatamente após a sua instalação, o que se chama de carga imediata. Assim evita que o paciente fique sem seus dentes durante o processo de completa cicatrização. É importante salientar que nesta etapa o dente sobre o implante é em caráter provisório e somente após a completa cicatrização será realizado o dente definitivo. Em alguns casos os pacientes já perderam seus dentes há muito tempo, e assim, o osso que sustentava o dente natural entra em processo de atrofia. Para possibilitar a instalação dos implantes dentários é necessário a realização de enxertos ósseo. Com o enxerto é possível aumentar o volume e massa óssea e permitir a instalação do implante dentário.

Implantodontia